Mãe e filho sequestrados em SC são libertados em SP

A professora Benta Pivatto, de 43 anos, e o filho Igor Pivatto, de 3, foram libertados no final da noite de ontem na Marginal do Tietê, em São Paulo, após ficarem mais de 30 horas em poder de sequestradores. Mãe e filho foram sequestrados por dois jovens anteontem em um hotel na cidade de Penha, litoral norte catarinense.

RICARDO VALOTA, Agencia Estado

03 de junho de 2009 | 05h13

A família mora na cidade vizinha de Navegantes, e viajou para Penha para ajudar na organização da tradicional Festa do Divino. Sabendo que a professora participava da organização da festa, os criminosos, contando com o dinheiro arrecadado no evento, exigiram do marido, Giovani Pivatto, que trabalha no Porto de Itajaí(SC), um valor de R$ 200 mil para liberar Benta e a criança. A quadrilha aceitou receber R$ 57 mil, valor pago na BR-376, em Curitiba(PR).

Mais conteúdo sobre:
SEQUESTROLIBERTAÇÃO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.