Magreza é trunfo de Massa em 2011

Felipe Massa está de olho na balança depois da frustrante temporada de 2010, pois considera que seu físico franzino pode ser seu grande trunfo neste ano.

MARK MEADOWS, REUTERS

13 de janeiro de 2011 | 11h38

O brasileiro, sexto colocado na temporada passada, acha que as inovações na Fórmula 1, destinadas a facilitar as ultrapassagens, tornarão mais relevante o peso que o piloto acrescenta ao carro.

"Cada quilo é importante em 2011. Felizmente, sou talvez o piloto mais leve da Fórmula 1", disse ele a jornalistas na quinta-feira, durante a tradicional pré-temporada da Ferrari numa estação de esqui.

O lado negativo das inovações - asas traseiras retráteis e a volta do sistema Kers, de recuperação de energia dos freios - é o excesso de botões no volante, segundo ele. "É verdade que temos muitas coisas para fazer no volante, e também é verdade que precisamos guiar o carro", disse Massa, que vem treinando com o novo volante desde meados de 2010.

"Com certeza nós conseguimos, mas do ponto de vista do piloto isso não é fantástico. Toda hora você tem três ou quatro botões para apertar, especialmente com o Kers. Definitivamente vai ser muita coisa, mas é assim que é, e precisamos nos adaptar muito rapidamente."

Após um ano problemático em 2010, que ele atribuiu aos pneus, Massa disse não ver 2011 como um ano em que a Ferrari será testada. "Sinto que a cada ano a gente começa do zero", disse ele.

A Ferrari fará testes de 1o a 3 de fevereiro em Valencia. A temporada começa oficialmente na corrida do Barein, em 13 de março.

Tudo o que sabemos sobre:
F1MASSAMAGREZA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.