Maioria dos brasileiros aprova Mais Médicos, diz CNT

A maioria dos brasileiros é a favor da contratação de médicos estrangeiros pelo programa Mais Médicos do governo federal. Pesquisa divulgada nesta terça-feira, 10, aponta que 73,9% dos entrevistados declararam-se a favor da importação dos profissionais formados no exterior. Em julho, o porcentual era de 49,7%. A pesquisa é da Confederação Nacional do Transporte (CNT) em parceria com a MDA Pesquisa.

LAÍS ALEGRETTI E EDUARDO RODRIGUES, Agência Estado

10 de setembro de 2013 | 15h09

A quantidade de entrevistados que disse ser contra o programa caiu de 47,4% em julho para 23,8% em setembro. O porcentual de pessoas que respondeu que o programa será capaz de solucionar os problemas graves de saúde no Brasil foi de 49,6% contra 47,1% que disseram que o Mais Médicos não irá resolvê-los. Outros 3,3% não responderam.

O programa Mais Médicos foi apresentado pela presidente Dilma Rousseff após os protestos de rua ocorridos no País em Junho. A medida foi criticada por associações da classe médica. Pelo cronograma, 682 profissionais formados no exterior (400 cubanos e 282 selecionados pelo programa) devem começar a atuar no dia 16 em cidades onde há falta de médicos.

Mais conteúdo sobre:
MAIS MÉDICOSCNT

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.