Mais de 300 pessoas seguem desaparecidas após naufrágio na Coreia do Sul

A guarda costeira da Coreia do Sul disse nesta quarta-feira que mais de 300 pessoas estão desaparecidas devido ao naufrágio de um barco na costa sudoeste do país, um aumento significativo do número em relação ao anunciado anteriormente.

Reuters

16 Abril 2014 | 07h36

O barco de passageiros carregava 447 pessoas, das quais 164 foram confirmadas como salvas, disse a guarda costeira. Duas pessoas tiveram a morte confirmada devido ao naufrágio do barco, ocorrido aparentemente em condições de águas calmas.

O Ministério da Segurança e da Administração Pública da Coreia do Sul havia dito que 368 pessoas tinham sido resgatadas e que cerca de 100 permaneciam desaparecidas, mas disse depois que os números estavam equivocados.

(Reportagem de Ju-min Park)

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.