Manifestantes chegam à Av. Paulista, em São Paulo

Enquanto um grupo de manifestantes permanece em frente ao prédio da Prefeitura de São Paulo, parte dos jovens se dirigiu à Avenida Paulista, que está totalmente interditada, nos dois sentidos. O protesto segue em direção à Rua da Consolação.

Agência Estado

18 de junho de 2013 | 19h56

Na região central, o clima ainda é tenso. Um grupo pichou as paredes da Prefeitura, quebrou vidraças e rasgou as bandeiras do Estado e da cidade. Boa parte era de Black Blocs, punks com roupas pretas e rostos cobertos por máscaras e lenços.

Trata-se do sexto protesto organizado pelo Movimento Passe Livre na capital paulista contra o aumento da passagem de ônibus, que subiu de R$ 3,00 para R$ 3,20 no começo do mês.

Tudo o que sabemos sobre:
protestosSPPaulista

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.