Manifestantes deixam Câmara de Santa Maria-RS

Os manifestantes que ocupavam a Câmara de Santa Maria (RS) desde terça-feira, 24, deixaram o edifício nesta segunda-feira. Eles consideraram que a reivindicação que apresentavam foi atendida na noite deste domingo, 30, quando o presidente da Casa, Marcelo Bisogno (PDT), assinou um documento no qual se comprometeu a afastar o procurador jurídico Robson Zinn, que havia posto o cargo à disposição, num prazo de 30 dias. O grupo acusa Zinn, que é ligado ao PMDB, de ter articulado a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga responsabilidades de agentes públicos na tragédia da boate Kiss só com vereadores da base de apoio da prefeitura, comandada pelo prefeito Cezar Schirmer (PMDB).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.