Mantega elogia nova linha do FMI e descarta acessar mecanismo

A nova linha de crédito anunciada pelo Fundo Monetário Internacional nesta terça-feira é um grande avanço dentro do FMI, avaliou o ministro da Fazenda, Guido Mantega, para quem a medida é uma vitória conquistada pelo Brasil.

REUTERS

24 de março de 2009 | 15h18

"O objetivo não é nós pegarmos, não estamos precisando", disse Mantega a jornalistas, descartando a necessidade de o Brasil acessar os novos recursos.

Segundo ele, a nova linha de crédito voltada a mercados emergentes visa beneficiar especialmente países que estejam entrentando problemas de liquidez.

(Reportagem de Isabel Versiani; Edição de Alexandre Caverni)

Mais conteúdo sobre:
MACROMANTEGAFMI*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.