Mantega irá ao Senado explicar MP da poupança

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, deve comparecer à Comissão de Assuntos Econômicos(CAE) do Senado na próxima semana para explicar a medida provisória que mudou os rendimentos da poupança, após a aprovação de um convite na comissão por consenso nesta terça-feira.

REUTERS

08 Maio 2012 | 11h21

O requerimento para convidar o ministro foi acordado entre líderes da base aliada durante café da manhã com a ministra de Relações Institucionais, Ideli Salvatti.

O senador Eduardo Suplicy (PT-SP), vice-presidente da CAE, afirmou que o próprio Mantega demonstrou disposição de comparecer à comissão na próxima terça-feira.

Na última quinta-feira, o governo editou uma medida provisória que determina, na tentativa de abrir espaço para a queda de juros no país, que a remuneração da poupança passará a ser de 70 por cento da Selic mais Taxa Referencial (TR) toda vez que a taxa básica de juros ficar igual ou abaixo de 8,5 por cento.

Uma das demandas dos líderes da base quando a MP foi apresentada era justamente que o governo se empenhasse em explicar os termos da proposta.

Segundo Ideli, também há requerimentos para o ministro Mantega comparecer à Câmara para dar detalhes sobre a MP.

(Reportagem de Maria Carolina Marcello)

Mais conteúdo sobre:
POLITICA MANTEGA CAE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.