Médica é presa em flagrante por roubar bolsa de colega

Uma médica, de 31 anos, foi presa em flagrante na manhã de domingo após ter roubado a bolsa de uma colega de trabalho no Hospital e Maternidade São Miguel, na zona leste de São Paulo. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP), a mulher ficou presa até que seu pai pagou a quantia de R$ 1 mil pela fiança.

GHEISA LESSA, Agência Estado

21 Maio 2012 | 16h15

Conforme informações da SSP, Giselle de Andrade Pereira Guedes estava trabalhando no horário de plantão do hospital quando a vítima do assalto, outra médica, de 26 anos, afirmou que sua bolsa tinha desaparecido do quarto de acesso restrito aos médicos do hospital.

A dona da bolsa roubada ligou para a polícia e, de acordo com depoimento de um dos seguranças do local, a doutora Guedes teria sido a única a acessar a sala restrita naquele horário, por volta das 10 horas do domingo. A autora do furto confessou o crime, e a bolsa foi encontrada dentro de seu carro com os demais documentos, que foram devolvidos à vítima. Giselle de Andrade Pereira Guedes foi presa em flagrante e encaminhada ao 22º Distrito Policial onde permaneceu até o pagamento da fiança.

Mais conteúdo sobre:
médica prisão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.