Médicos de Belo Horizonte fazem paralisação hoje

Os médicos de Belo Horizonte realizam hoje paralisação em toda a rede municipal. Segundo a assessoria de imprensa do Sindicato dos Médicos de Minas Gerais (Sinmed-MG), eles foram orientados a paralisar completamente os 147 centros de saúde do município. Só estão sendo atendidos os casos de urgência e emergência.

MARCELA GONSALVES, Agência Estado

13 de abril de 2011 | 16h13

Estava marcada para as 15 horas uma assembleia da categoria para definir os próximos passos do movimento. Uma nova paralisação pode ser agendada para o dia 6 de maio. Esta é a terceira paralisação no ano. A primeira aconteceu no dia 16 de março e a segunda no dia 30 de março, com mais de 90% de adesão da categoria.

A categoria reivindica o aumento do piso salarial de R$ 2.848,50 para R$9.188,22, por jornada de 20 horas semanais, que é o piso estabelecido pela Federação Nacional dos Médicos (Fenam). Além disso, alegam carência de médicos para o Programa de Saúde da Família (PSF), defasagem nas equipes de atendimento de urgência e falta de medicamentos e de equipamentos adequados nos locais de trabalho.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.