Médicos dizem que Mandela melhora e está bem disposto

O ex-presidente sul-africano Nelson Mandela está bem disposto e melhorando, disseram nesta sexta-feira médicos que atendem o herói da luta contra o apartheid, após ter sido internado pela terceira vez em quatro meses por causa de uma infecção pulmonar.

SHAFIEK TASSIEM, Reuters

29 de março de 2013 | 10h57

O boletim médico foi um alívio para os sul-africanos, que vinham nervosamente rezando e esperando notícias sobre a saúde do líder de 94 anos, ganhador do Nobel da Paz, que foi hospitalizado no final da noite de quarta-feira. Líderes globais enviaram votos de recuperação.

O governo do presidente Jacob Zuma já havia noticiado que Mandela estava reagindo bem ao tratamento, e Zuma buscou tranquilizar a nação, dizendo que a idade avançada do reverenciado estadista exige que ele se submeta a frequentes verificações médicas.

"O presidente Nelson Mandela está animado e desfrutou de um café da manhã completo nesta manhã", disse o gabinete de Zuma em nota. "Os médicos relatam que ele faz um progresso estável. Ele continua sob tratamento e observação no hospital."

Mandela se tornou o primeiro presidente negro da África do Sul em 1994, quando venceu a primeira eleição multirracial na história local.

Tudo o que sabemos sobre:
MANDELASAUDE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.