Meirelles: expansão 'vigorosa' do PIB prova recuperação

O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, afirmou nesta terça-feira que o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) no primeiro trimestre confirma que a economia brasileira se recuperou "integralmente" da crise.

REUTERS

08 de junho de 2010 | 19h34

"Essa expansão vigorosa do primeiro trimestre demonstra de forma cabal mais uma vez o acerto da estratégia adotada de combate à crise, que foi inclusive apontada por organizações internacionais como uma estratégia modelo", afirmou Meirelles a jornalistas.

Ele comentava os dados divulgados mais cedo pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) após participar do primeiro dia da reunião do Comitê de Política Monetária (Copom).

O PIB cresceu 2,7 por cento no primeiro trimestre do ano frente aos três meses anteriores e saltou 9 por cento na comparação com o mesmo período de 2009.

Meirelles destacou que o fato de o crescimento ter sido liderado, do lado da oferta, pela indústria, agropecuária e serviços "contribui para balancear o crescimento da economia", uma vez que os dois primeiros setores foram os que mais haviam sofrido os efeitos da crise.

Ele também considerou "particularmente importante" o desempenho da formação bruta de capital fixo, uma medida de investimento, que teve alta de 7,4 por cento no trimestre.

O Copom deve elevar a taxa básica de juros em 0,75 ponto, a 10,25 por cento, na quarta-feira, segundo expectativas de analistas do mercado.

(Por Isabel Versiani e Ana Nicolaci da Costa)

Tudo o que sabemos sobre:
BACENMEIRELLESPIBATUALIZA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.