Menina de 10 anos morre em tiroteio na zona sul de SP

Uma menina de 10 anos morreu, na noite do domingo (04), baleada durante uma tentativa de assalto a um policial militar, na zona sul de São Paulo. O policial, que estava à paisana em seu carro, acompanhado de sua mulher e de dois filhos menores, reagiu a uma tentativa de assalto atirando contra os dois assaltantes, que estavam em uma moto. Na troca de tiros com os bandidos a menina, que estava em um outro veículo com os pais, foi atingida na cabeça. A criança foi socorrida pelos próprios pais, mas não resistiu.

PEDRO DA ROCHA, Agência Estado

05 de novembro de 2012 | 11h28

O policial, que atua como bombeiro, conseguiu acertar um dos bandidos, que morreu. O outro tentou fugir a pé, mas acabou preso por uma equipe da Polícia Militar que passava pelo local. Um vigia que passava pelo local no momento da troca de tiros também foi atingido por um tiro nas costas, mas seu estado de saúde não apresenta risco de morte, segundo informações da própria polícia. O caso aconteceu na Avenida das Juntas Provisórias com a Rua Almirante Delamare, no bairro do Ipiranga. O caso será investigado pelo Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP).

Tudo o que sabemos sobre:
violênciaSPmeninamorte

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.