Menina de 14 anos é estuprada na Praia do Leblon, no Rio

Duas garotas foram abordadas por um homem nas imediações da Avenida Niemeyer

MARCELO GOMES, Agência Estado

25 de abril de 2013 | 14h13

A Polícia Civil do Rio investiga um caso de estupro de uma menina de 14 anos, na Praia do Leblon, na zona sul do Rio de Janeiro. O crime ocorreu no início da noite do último dia 17, no final da praia, nas imediações da Avenida Niemeyer (via que liga São Conrado ao Leblon, passando pela Favela do Vidigal, onde a menina mora). O episódio foi revelado na edição desta quinta-feira, 25, do jornal O Dia.

Segundo a polícia, a menina e uma amiga voltavam para casa, caminhando pela areia, quando foram abordadas por um homem que disse estar armado. Ele violentou a adolescente de 14 anos e ameaçou a outra para obrigá-la a ficar calada. O caso está sendo investigado pela 14ª Delegacia de Polícia (Leblon), que afirma já ter identificado o estuprador. Segundo os investigadores, o suspeito tem antecedentes criminais por roubo e porte ilegal de arma. Além das duas meninas, familiares da vítima já prestaram depoimento.

Na tarde de sábado, 20, um criminoso armado invadiu uma clínica de depilação em Bonsucesso, na zona norte do Rio, e estuprou uma funcionária. Segundo a polícia, havia oito pessoas no estabelecimento. O bandido trancou todos os clientes e funcionários na cozinha. Depois, continuou vasculhando o imóvel e se deparou com uma funcionária que estava em uma cabine de depilação e ainda não sabia do assalto. O homem rendeu a moça e a estuprou. Em seguida, recolheu R$ 480 do caixa da clínica e fugiu. O caso está sendo investigado pela 21ª DP (Bonsucesso).

Na noite de 30 de março, uma turista norte-americana foi estuprada dentro de uma van de lotação. Ela e o namorado francês, de 23 anos, embarcaram no veículo em Copacabana, na zona sul, e seguiram para a Lapa, bairro boêmio da região central da cidade. Ao longo do trajeto, outros passageiros embarcaram, mas tiveram que sair da van depois que um comparsa, que se passava por passageiro, anunciou um assalto. O casal de estrangeiros foi obrigado a permanecer e a moça passou a ser estuprada. O francês foi agredido na cabeça com golpes de um barra de ferro. Quatro suspeitos, entre eles um menor de 13 anos, estão presos.

Mais conteúdo sobre:
estupromeninaLeblon

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.