Menina de dez meses morre baleada em casa no RS

Adolescente de 13 anos, tio da criança, estava mexendo em arma que teria disparado acidentalmente

Elder Ogliari, Agência Estado

02 Julho 2008 | 12h21

Uma menina de dez meses morreu a caminho do hospital depois de ser baleada dentro de sua casa, no bairro Vila Jardim, em Porto Alegre (RS), na terça-feira. O tio da criança, um adolescente de 13 anos, foi apontado pelos familiares como autor do tiro. Ele confirmou, contando à polícia que encontrou uma arma sob um sofá e, ao manuseá-la, disparou acidentalmente. A mãe do garoto e avó do bebê estava em outra parte da casa. Ao ouvir o estampido, ela correu para ver o que havia ocorrido e, ao perceber a gravidade da situação, foi para a rua pedir ajuda. Um motorista levou a mulher e o bebê a um hospital, mas a menina chegou sem vida ao atendimento. O adolescente foi encaminhado ao Departamento Estadual para a Criança e Adolescente (Deca).

Mais conteúdo sobre:
tiro acidental

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.