Menino é morto ao tentar entrar em mercado em Peruíbe

O proprietário do estabelecimento foi apontado com autor do diparo com um revólver de calibre 38

REJANE LIMA, Agencia Estado

23 Julho 2008 | 19h38

Um menino de 11 anos foi morto nesta quarta-feira, 23, ao tentar entrar num mercado de bairro em Peruíbe, na Baixada Santista (SP). Ele estava acompanhado de outro menino, de 12 anos, detido pela Polícia Militar (PM). Apontado como autor do disparo, o proprietário do estabelecimento, Petrolíneo Sizílio da Silva, fugiu após o crime, mas deverá comparecer a delegacia na quinta-feira, 24. O assassinato aconteceu no bairro Caraguava.Os estudantes A.M., de 11 anos, e R.S.P., de 12 anos, tentavam entrar no Minimercado Família usando uma escada colocada na parede lateral do prédio. Eles não tinham passagem pela polícia. Atingido na cabeça, A.M. foi socorrido, levado ao pronto-socorro (PS) da cidade e transferido para a Santa Casa de Misericórdia Santos, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. A defesa de Silva procurou a polícia hoje e informou que ele tem porte de arma, um revólver calibre 38, e se apresentaria à delegacia na quinta-feira. O depoimento será ouvido no 1º Distrito Policial (DP) de Peruíbe, de acordo com a Polícia Civil.

Mais conteúdo sobre:
crimemercadoPeruíbe

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.