Menor morre após confronto entre duas facções na Maré

A Secretaria de Saúde do Estado do Rio de Janeiro confirmou a morte de um menor 15 de anos, após um confronto entre duas facções no Complexo da Maré na tarde deste domingo, 30, mesmo após a ocupação do local pelas forças policiais. De acordo com informações da secretaria, o jovem, identificado como Vinicius Guimarães, já chegou morto à Unidade Pronto Atendimento (UPA) da Maré, para onde foi encaminhado.

ANTONIO PITA E WELLINGTON BAHNEMANN, Agência Estado

30 Março 2014 | 19h29

O confronto entre as facções ocorreu na divisa entre as favelas Baixa do Sapateiro, dominada pela facção Terceiro Comando Puro, e Nova Holanda, controlada pelo Comando Vermelho. O conflito teve início após provocações entre os dois grupos e se transformou em uma guerra de pedras. O confronto acabou quando um jovem sacou uma arma e efetuou os disparos, provocando a morte de Vinicius.

Outros dois adolescentes ficaram feridos no confronto e foram encaminhados para o Hospital Federal de Bonsucesso. Um jovem de 13 anos foi baleado nas costas, enquanto outro rapaz, de 16 anos, foi atingido na boca. A morte de Vinicius levou os moradores a realizarem um protesto, provocando o fechamento da Linha Vermelha, via que liga a Baixada Fluminense e a Ilha do Governador ao centro do Rio. O Batalhão de Choque deteve 27 pessoas, que foram encaminhadas para averiguações na 21ª Delegacia de Polícia, em Bonsucesso (RJ).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.