Mensagem de texto é alternativa

Mandar uma mensagem de texto (SMS) é o jeito mais barato e objetivo de se comunicar com alguém no Brasil enquanto você estiver no exterior. As mensagens custam muito menos do que uma ligação e resolvem a imensa maioria dos casos em que você precisa falar com alguém. Quer alguns exemplos? Os filhos que acabaram de desembarcar mandam um SMS do tipo "chegamos bem"; os pais querem avisar que o vôo está atrasado e enviam "Ainda não saímos. Vamos chegar mais tarde"; dá para perguntar para o sobrinho "Qual era mesmo o modelo do iPod que você queria?"; e a namorada pode enviar "Paris é linda! Queria que você estivesse aqui. Saudades". O valor das mensagens é o mesmo em qualquer país e você não paga por mensagens recebidas. A Vivo tem uma tarifa de SMS um pouco mais complicada, mas, ainda assim, mais barata do que os preços das ligações. Você paga R$ 0,79 e mais o valor de uma mensagem de texto no Brasil, que varia entre R$ 0,25 e R$ 0,30 conforme o plano pós-pago assinado. Se o plano do cliente der direito a uma quantidade de SMS por mês, em vez da cobrança extra, é descontada uma mensagem do plano. Das três principais operadoras, a Tim é a que tem o SMS mais caro. Cada mensagem enviada do exterior custa US$ 0,89. Hoje, isso dá cerca de R$ 1, 43. Para quem viaja a determinados países da América e utiliza as operadoras parceiras (veja na tabela o grupo Especial Américas), a mensagem sai um pouco mais em conta, por US$ 0,59, ou cerca de R$ 0,95. Já a Claro tem a menor tarifa de SMS. Cada mensagem enviada sai por R$ 0,80.

30 Junho 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.