Merck paga perto de US$1 bi para encerrar processo sobre Vioxx

A farmacêutica Merck vai pagar cerca de 950 milhões de dólares para encerrar acusações civis e criminais de que ela promoveu a remédio analgésico Vioxx para um uso não aprovado, disse o Departamento de Justiça dos Estados Unidos nesta terça-feira.

REUTERS

22 de novembro de 2011 | 19h28

A multa vai concluir uma longa investigação sobre como a Merck promovia o medicamento, que foi retirado do mercado em setembro de 2004.

O Departamento de Justiça dos EUA alegava que a Merck promoveu a droga para tratamento de artrite reumatóide antes de o remédio ter sido aprovado para isso pela Food and Drug Administration (FDA).

A Merck havia antecipado aos investidores encargos de 950 milhões de dólares relacionados ao caso antes do anúncio do governo norte-americano.

(Por Sarah N. Lynch)

Tudo o que sabemos sobre:
MERCKVIOXX*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.