Metroviários de SP decidem nesta terça-feira sobre greve

Na semana passada, o sindicato decidiu, após assembléia na sede da entidade, decretar estado de greve

da Redação, estadao.com.br

27 de maio de 2008 | 09h00

Os metroviários de São Paulo decidem nesta terça-feira, 27, se realizam ou não uma greve. A categoria pede reajuste de 4,7%, além de participação nos lucros de 10%. Ontem, os metroviários fizeram uma passeata no centro da cidade.   "É uma forma de alertar a população que podemos parar", disse o presidente do Sindicato dos Metroviários, Wagner Gomes. Na semana passada, o sindicato decidiu, após assembléia na sede da entidade, decretar estado de greve - alerta para possível paralisação.   Nova reunião entre sindicalistas e direção da empresa será realizada nesta terça. O secretário de Transportes Metropolitanos, José Luiz Portella, disse na segunda-feira que acha "difícil" a possibilidade de greve, mas afirmou que o Metrô "está preparado" caso ocorra.

Mais conteúdo sobre:
paralisaçãogrevemetrô

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.