MG tem novo caso suspeito de febre amarela 'importado'

Caso registrado no sul do Estado poderá ser confirmado como febre amarela ou dengue

EDUARDO KATTAH, Agencia Estado

06 de fevereiro de 2008 | 16h52

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) de Minas Gerais recebeu a notificação de um caso suspeito de febre hemorrágica, que pode ser confirmado como febre amarela ou dengue. F.C.S, de 27 anos, morador de Pouso Alegre, está internado na cidade do sul do Estado.     Ele esteve no município de Catalão, em Goiás, entre os dias 15 e 17 de janeiro e sentiu os primeiros sintomas da doença no dia 21, já de volta a Minas Gerais. Na terça-feira, 5, a secretaria confirmou o segundo caso de febre amarela ''importado'' do Estado.     Segundo a SES, o material coletado já foi enviado à Fundação Ezequiel Dias (Funed) e os resultados dos exames e da investigação epidemiológica - que pode confirmar a doença - deverão ser divulgados na sexta-feira.     O paciente passa bem e a previsão é que ele receba alta amanhã. Em Minas, já foram confirmados dois casos "importados" de febre amarela. As infecções ocorreram na zona rural de Goiás. Um jovem de 24 anos morreu em janeiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.