Michelle Obama é um novo ícone da moda, dizem especialistas

Revista publicou croquis de estilistas famosos para a futura primeira-dama dos EUA.

Rajini Vaidyanathan, BBC

26 Dezembro 2008 | 13h39

Com a proximidade da posse do presidente-eleito dos Estados Unidos, Barack Obama, no dia 20 de janeiro, especialistas em moda do país começam a especular sobre o figurino da nova primeira-dama, Michelle Obama. As roupas que ela deve usar na cerimônia de posse e no baile de gala realizado no mesmo dia são segredos muito bem guardados, mas há quem acredite que Michelle Obama vai causar um impacto no mundo da moda semelhante ao provocado por Jacqueline Kennedy, nos anos 60. "Michelle Obama irradia um estilo poderoso e muito pessoal", disse a revista de estilo Women's Wear Daily, que dedicou uma edição a croquis de estilistas famosos convidados a sugerir modelos para o casal Obama. "A indústria de moda americana não tem um achado desses desde, bem, desde que um outro ícone do chic democrata fixou residência na Pennsylvania Avenue (endereço da Casa Branca) em 1961", acrescentou a publicação, em referência a Jackie Kennedy. Sofisticação A pedido da revista, estilistas como Oscar de la Renta, Christian Lacroix, Marc Jacobs, Diane von Fürstenberg e Tommy Hilfiger criaram sugestões de modelos para os Obama usarem na posse e no baile de gala. Alguns optaram por um visual clássico para a nova primeira-dama, como o longo branco de Diane von Furstenberg ou o azul com um ombro à mostra de Michael Kors. Outros fizeram criações mais teatrais e bizarras, como o vestido vermelho, branco e azul de Betsey Johnson ou o modelo vermelho com capa de Christian Lacroix. Maria Cornejo, cujas roupas Michelle Obama vestiu durante a campanha, também contribuiu. "Eu acho que ela deveria vestir uma roupa feita sob medida. Você tem de poder olhar as fotos daqui a 20 anos e achar que ainda parecem relevantes. Então ela precisa de algo clássico", disse Cornejo. Comentando alguns dos outros modelos sugeridos para a futura primeira dama, a estilista acrescentou: "Alguns são realmente vulgares e sem classe. É a primeira-dama. Eu colocaria nela algo extremamente bem-feito, sob medida, com um pouco de cor e sofisticação." Popular Jade Floyd, que escreve para um blog de moda e entretenimento em Washington, vem prestando atenção aos modelos sugeridos para Michelle Obama por razões pessoais. "Eu a observo muito cuidadosamente", diz. "Michelle Obama já se tornou uma referência em moda. Ela está comprando em lojas onde as mulheres americanas comuns podem comprar". Jade foi uma entre muitas americanas que compraram um vestido da popular rede H&M vestido por Michelle durante a campanha presidencial. Um outro conjunto usado pela futura primeira-dama - um cardigã amarelo e uma blusa que ela vestiu no Tonight Show, um programa de entrevistas do canal de TV americano NBC - desapareceu das lojas quando ela revelou onde havia comprado as peças. "Na verdade, esse conjunto é da J. Crew. Você pode comprar coisas boas na internet", disse Michelle Obama durante o programa. E se por um lado é grande a especulação sobre o que a primeira-dama vai vestir no dia da posse, parece que seu marido Barack Obama já decidiu. Há relatos de que ele optou por um terno e um smoking dos estilistas Hart Schaffner Marx. A empresa, com sede em Chicago, vem vestindo o presidente-eleito desde a Convenção Nacional Democrata, em agosto. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.