EFE/EPA/YAHYA ARHAB
EFE/EPA/YAHYA ARHAB

Milícia do Iêmen dispara morteiro e mata 3 oficiais do exército da Arábia Saudita

Um morteiro disparado pela milícia Houthi, do Iêmen, na fronteira com a Arábia Saudita matou três oficiais do exército do reino na sexta-feira, disse neste sábado o Ministério da Defesa, segundo a agência de notícias estatal saudita SPA.

REUTERS

11 Abril 2015 | 16h34

Em comunicado, o ministério afirmou que mais de 500 lutadores da Houthi foram mortos em confrontos na fronteira desde o início do conflito, em 26 de março, mas não explicou como o número de vítimas mortais foi calculado. Três guardas de fronteira da Arábia Saudita foram mortos na semana passada.

(Por Ali Abdellatif no Cairo)

Mais conteúdo sobre:
ARABIAMORTEIROFRONTEIRA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.