Militares descartam fazer exame no corpo de Kadafi

Os comandantes militares da cidade líbia de Misurata afirmaram que nenhum exame pós-morte será realizado no corpo do ex-ditador Muamar Kadafi, mesmo em meio às dúvidas sobre como o general morreu. "Não haverá exame pós-morte hoje nem qualquer dia", declarou o porta-voz do conselho militar da cidade, Fathi al-Bashaagha, à agência AFP. "Ninguém vai abrir o corpo dele", acrescentou. Os comentários foram confirmados por dois outros comandantes militares. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.