Mocidade contou trajetória de Marília Pêra

A Mocidade Alegre, terceira escola a desfilar hoje, encerrou seu desfile em busca do quarto título consecutivo do carnaval de São Paulo com o carro alegórico que trouxe a homenageada pela escola, a atriz Marília Pêra, junto com amigos artistas como Ney Latorraca, Arlete Salles e Leona Cavalli. "Tomara que minha história tenha servido para ajudar essa escola", disse Marília ao fim do desfile.

FELIPE RESK E PAULA FELIX, Estadão Conteúdo

15 Fevereiro 2015 | 02h53

O atual trabalho de Marília, a série Pé na Cova, na TV Globo, foi retratado na quarta alegoria, que teve caveiras mexicanas com LED nos olhos. Aline Oliveira, rainha de bateria da Mocidade, apareceu dentro de uma estrutura cilíndrica que sobe e desce. E ao contrário das demais rainhas, ela não sambou à frente da bateria no recuo.

Com fantasias trabalhadas com pedrarias, a comissão de frente da Mocidade Alegre encantou o público pelo luxo e pela sincronia. Uma caixinha de joias acompanhou os dançarinos com efeitos luminosos e faíscas. A atuação de Marília Pêra como bailarina foi representada por uma passista em um carrinho dentro da primeira ala. Já a ala Incidente em Antares se inspirou na obra de Érico Veríssimo e lembrou minissérie da Rede Globo.

Em dourado forte, o abre alas da Mocidade teve rodas e torres giratórias e fez referência a deuses da mitologia clássica. Segundo o carnavalesco Sidnei França, a ideia foi retratar as inspirações artísticas de Marília Pêra.

Vale destacar que uma letra de um dos carros alegóricos da Mocidade descolou do painel e acabou ficando pendurado. Assim, a escola pode ser penalizada no quesito alegoria.

A Mocidade Alegra adotou uma estratégia para garantir os pontos de evolução e harmonia. Integrantes ficaram nas laterais da avenida com cartazes que trouxeram a frase: "Atenção! O desfile não acabou. Faltam 6 torres de jurados. Cante e evolua com muita animação".

A escola da zona norte busca mais um título com o enredo "Nos Palcos da Vida, Uma Vida no Palco... Marília!". Conhecida por enredos abstratos, desta vez a Mocidade optou por destacar a trajetória da atriz, que também é cantora, bailarina, diretora, produtora e coreógrafa. Em sua carreira, Marília Pêra coleciona trabalhos no cinema, teatro e televisão. A artista vai desfilar no quinto carro alegórico da escola.

Mais conteúdo sobre:
Carnaval Mocidade Alegre Marília Pêra

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.