Morre aos 84 anos nos EUA o escritor Norman Mailer

O escritor americano Norman Mailer morreu neste sábado, 10, aos 84 anos, no Hospital Monte Sinai, em Manhattan, Estados Unidos.Um dos principais autores da corrente literária dos anos 1960 conhecida como "new journalism", ou jornalismo literário, Mailer escreveu 11 romances e diversos ensaios e peças para o teatro. Além de colaborar durante anos com a revista Esquire, uma das principais referências do "romance de não ficção".Mailer estava sob terapia intensiva desde outubro, quando havia sido hospitalizado pela segunda vez por problemas respiratórios.Entre suas obras mais famosas estão um romance sobre a Segunda Guerra Mundial (Os Nus e os Mortos), um pouco de jornalismo de campo (Os Exércitos da Noite) e um sobre a CIA, O Fantasma da Prostituta (Harlot?s Ghost).Com uma carreira de quase 50 anos, o escritor foi co-fundador da revista alternativa nova-iorquina Village Voice e vencedor de dois prêmios Pulitzer.

AE, Agencia Estado

10 de novembro de 2007 | 12h16

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.