Morre em MG aos 114 anos mulher mais velha do mundo

Morreu nesta madrugada, aos 114 anos, Maria Gomes Valentim. Conhecida como Vó Quita, ela foi considerada a mulher mais velha do mundo pelo livro dos recordes, o Guinness Book. Maria faleceu na Casa de Caridade de Carangola, na Região da Zona da Mata, em Minas Gerais.

JOÃO PAULO CARVALHO, Agência Estado

21 Junho 2011 | 10h02

Ela deu entrada no hospital na tarde do último domingo, com o quadro de pneumonia comunitária aguda. Ontem, o estado de saúde dela piorou e teve início uma infecção generalizada. Maria completaria 115 anos no próximo dia 9. O reconhecimento da moradora de Carangola como a pessoa mais velha do mundo ocorreu em maio deste ano pelo Guinness, que lhe deu vantagem de 48 dias sobre a até então recordista americana, Besse Cooper.

Mais conteúdo sobre:
morte idosa mais velha do mundo MG

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.