Morre ex-empresário dos Beatles e dos Rolling Stones

O empresário do ramo musical Allen Klein, que trabalhou com os Beatles e os Rolling Stones, morreu neste sábado, aos 77 anos. Klein, que foi uma das figuras mais importantes do mundo da música na década de 1960, mas acabou brigando com alguns de seus maiores clientes, sofria do mal de Alzheimer, segundo Bob Merlis, porta-voz de sua empresa, a ABKCO Music & Records.

AE, Agencia Estado

04 Julho 2009 | 20h15

Conhecido por sua audácia, temperamento e tenacidade em acumular direitos autorais e obter melhores negócios, Klein se tornou famoso ao assinar com os Rolling Stones e os Beatles. Mais tarde, os dois acordos geraram processos e alguns fãs dos Beatles acusam o empresário de ter contribuído para o fim da banda.

Klein foi condenado por fraude fiscal em 1979 e passou dois meses na prisão por não informar lucro com vendas de discos promocionais dos Beatles e outros grupos. Os Rolling Stones ficaram tão furiosos com o empresário que Mick Jagger chegou a brigar com ele no hall de um hotel luxuoso.

A empresa de Klein ainda tem os direitos sobre grande parte das músicas dos Rolling Stones dos anos 60. As informações são da Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Beatles Rolling Stones rock

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.