Motociclista morre atropelado após briga em SP

Rapaz de 28 anos se desequilibrou enquanto revidava ofensa com a moto em movimento

Daniela do Canto, O Estado de S. Paulo

13 Novembro 2008 | 09h40

O motociclista Caio Vinicius Gervásio dos Santos, de 28 anos, morreu atropelado na tarde desta terça, 11, após uma briga de trânsito na Avenida Francisco Morato, zona oeste de São Paulo. Horas depois, a tragédia familiar quase foi ampliada, na mesma avenida: ao saber da morte do irmão, Igor Gervásio, de 25 anos, capotou seu Fiat Palio quando ia ao encontro dos pais no 34º Distrito Policial (Vila Sônia).O acusado do atropelamento é o motorista particular José Carlos dos Anjos, de 40 anos. A discussão começou, segundo ele, porque a Honda Titan de Santos bateu no retrovisor do seu Toyota Fielder. Quando houve a colisão com o Toyota, ele abriu a janela e xingou Santos - conforme depoimento dado à polícia. Após discussão, o motociclista teria chutado o carro do motorista, se desequilibrado e caído.Com medo de sofrer represálias de outros motociclistas que se aproximavam, o motorista diz que optou por arrancar com o automóvel, sem ver o que se passava. À polícia, ele admitiu que pode ter atropelado o rapaz, mas disse acreditar que Santos foi morto por um ônibus. Segundo a São Paulo Transportes (SPTrans), no entanto, não houve nenhum registro de acidente com qualquer coletivo na área.Santos morreu na hora. Motociclistas passaram a perseguir Anjos e avisaram a polícia. Ele foi encontrado no Colégio Miguel de Cervantes, no Morumbi, zona sul de São Paulo. Policiais encaminharam Anjos ao 34 º DP, onde o caso foi registrado como homicídio culposo (sem intenção de matar), com omissão de socorro. Após pagar fiança de R$ 1.216, o motorista foi liberado.CapotamentoIgor Gervásio capotou o veículo quando recebeu a notícia da morte do irmão. "Estava em estado de desespero", desabafou. Santos estava desempregado havia dois meses. Solteiro e sem filhos, morava com os pais e o único irmão em Taboão da Serra, na Grande São Paulo.

Mais conteúdo sobre:
trânsitoSP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.