Motorista pára ônibus para reclamar do decote de passageira

Condutor alemão diz que visão de seios o incomodou, colocando viagem em risco.

BBC Brasil, BBC

16 Julho 2007 | 17h40

O decote de uma passageira provocou protestos do motorista de um ônibus em uma cidade do interior da Alemanha, que pediu a ela que trocasse de lugar ou saísse do veículo. O caso ocorreu na cidade de Lindau am Bodensee, no extremo sul do país. A assistente de vendas Deborah Moscone, de 20 anos, estava sentada em um dos bancos da frente do ônibus vestindo uma camiseta que deixava à mostra boa parte de seus seios. A imagem era bem visível no espelho retrovisor do motorista, que parou o veículo para reclamar do decote. O motorista disse a Deborah que a visão dos seios o estava incomodando e que ela colocava em risco a segurança dos demais passageiros do ônibus. Chocada, a passageira formalizou uma reclamação à companhia de ônibus, que apoiou a decisão do motorista. Segundo o regulamento das empresas de transporte locais, em nenhuma circunstância os motoristas podem ser distraídos durante o exercício da função. O comportamento do motorista reforça a reputação dos profissionais alemães, considerados bem treinados, altamente disciplinados e preocupados com a segurança. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.