Mourinho quer perda de pontos e títulos por violação de regra financeira da UEFA

José Mourinho, técnico do Chelsea, acredita que os clubes condenados por violar as regras do Fair Play Financeiro (FFP, na sigla em inglês) da UEFA deveriam ter pontos descontados e ser destituídos de títulos ao invés de pagar multas.

REUTERS

20 Setembro 2014 | 11h32

O atual campeão inglês, Manchester City, que enfrenta o Chelsea em um embate entre os dois favoritos ao título no domingo, foi multado em 83,3 milhões de dólares em maio por violar as regras, mas o português crê que sanções mais rígidas deveriam ser impostas.

“As multas são justas? Não acho. O que é justo é retirar pontos e títulos”, teria afirmado o treinador de 51 anos, segundo a mídia britânica.

“Se você conquista títulos e depois é penalizado economicamente, segue em frente”.

As regras da FFP, que foram estabelecidas pelo Organismo de Controle Financeiro de Clubes (CFCB, na sigla em inglês) em 2012, foram concebidas para limitar as perdas financeiras e tornar as finanças dos clubes mais estáveis.

Mais conteúdo sobre:
ESPORTESFUTEBOLINGLES*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.