Movimento Passe Livre em SP bloqueia agora a Rebouças

Depois de provocar a interdição da Avenida Paulista na tarde desta quinta-feira, 19, o protesto realizado pelo Movimento Passe Livre (MPL) bloqueou no final da tarde um trecho da Avenida Rebouças. Segundo informação da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), a Avenida Paulista foi liberado, mas os dois sentidos da Avenida Rebouças foram fechados pelo grupo de manifestantes, na altura da Avenida Brasil.

FLAVIO LEONEL, Agência Estado

19 Junho 2014 | 17h40

A manifestação desta quinta-feira, de acordo com o MPL, relembra o aniversário de um ano da revogação dos reajustes nas tarifas de ônibus, trem e metrô em São Paulo, que foi influenciada pelas manifestações de junho de 2013. O protesto de hoje também insiste na busca pela gratuidade das passagens para a população.

No site do movimento, a programação do MPL traz a informação de que o intuito dos manifestantes é chegar até a Marginal Pinheiros. Lá, eles prometeram "construir uma festa" que represente o modelo do MPL de cidade: "pelo povo e para o povo".

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.