MP avaliará legalidade na contratação de cubanos

O Ministério Público do Trabalho vai apurar se a contratação de médicos cubanos está ou não de acordo com a legislação. O procurador-geral do Trabalho, Luís Camargo, afirmou nesta sexta-feira, 23, que vai pedir até segunda-feira, 26, à Advocacia Geral da União (AGU) que forneça informações sobre o convênio que prevê a contratação dos profissionais cubanos.

MARIÂNGELA GALLUCCI, Agência Estado

23 de agosto de 2013 | 17h34

Mais cedo, o procurador do Ministério Público do Trabalho José de Lima Ramos Pereira tinha dito que a contratação nos moldes em que foi anunciada é irregular.

Tudo o que sabemos sobre:
Mais MédicosMP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.