MP-DF: bombeiro é condenado por tentativa de homicídio

O bombeiro militar Kleber Silva do Nascimento foi condenado à pena de 10 anos de reclusão por ter tentado matar sua esposa Danielle Christine de Alencar Paulino. A decisão do Tribunal do Júri de Taguatinga foi publicada hoje pelo Ministério Público do Distrito Federal (MP-DF).

CAROLINA SPILLARI, Agência Estado

30 Junho 2011 | 19h30

Testemunhas ouvidas em plenário deram conta do horror vivido pela vítima. Além de agressões com chutes e murros, Danielle teve pés e mãos amarradas e recebeu golpes de faca, inclusive nos olhos e teve seu corpo queimado com água quente. Danielle também prestou depoimento ao júri.

O acusado aumentou o volume da televisão enquanto agredia a vítima para que vizinhos não percebessem o que se passava no interior do apartamento. O agressor acabou fugindo quando a polícia chegou. Testemunhas chegaram a informar que levarão em suas mentes, para o resto da vida, as cenas de horror presenciadas quando do socorro, segundo o MP-DF. Segundo o MP-DF, o julgamento começou na manhã de ontem. A sessão se prolongou até a 1h30 de hoje.

Mais conteúdo sobre:
MP-DF condenação bombeiro homicídio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.