MPF denuncia militares por tortura a índios em AM

O Ministério Público Federal (MPF) no Amazonas denunciou hoje à Justiça Federal quatro militares do Exército que teriam torturado indígenas em São Gabriel da Cachoeira, a 850 quilômetros de Manaus.

LIEGE ALBUQUERQUE, Agência Estado

10 de setembro de 2010 | 19h51

Segundo a denúncia, os militares Leandro Fernandes Rios de Souza, Ramon da Costa Alves e Walter Cabral Soares, sob o comando do 1º Tenente Samir Guimarães Ribas, teriam praticado atos de abuso de autoridade e tortura, "causando sofrimento físico e mental a índios" das comunidades de São Joaquim e Uariramba. O fato teria ocorrido na noite de 29 de setembro de 2007 até a manhã seguinte, quando os militares estariam investigando índios envolvidos com tráfico de drogas.

Tudo o que sabemos sobre:
Amazonastorturaíndiosmilitares

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.