Mulher leva tiro disparado pelo marido e sobrevive

Uma mulher de 26 anos sobreviveu após levar um tiro na cabeça disparado pelo marido no domingo, 23, à tarde na casa do casal em Tietê, no interior paulista. Ele também baleou a mão da esposa. Depois da tentativa de homicídio, o agressor, que não teve o nome divulgado, cometeu suicídio.

SANDRO VILLAR, Agência Estado

23 de fevereiro de 2014 | 20h12

Os tiros foram disparados após o casal ter discutido. Segundo a Polícia Militar, o motivo da discussão ainda não é conhecido. Vizinhos do casal, no bairro São Francisco, ouviram os disparos e acionaram o resgate. A mulher e o marido foram levados para a Santa Casa da cidade.

Depois de ser examinada, ela foi transferida para um hospital de Sorocaba. A mulher passou por novos exames e já recebeu alta. Já o marido, de 33 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu na madrugada deste domingo.

Tudo o que sabemos sobre:
crimePresidente Prudente

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.