Mulher mostra documento falso em consulado e é detida

Uma mulher de 36 anos foi detida na tarde de hoje em frente ao Consulado Geral dos Estados Unidos em São Paulo, na zona sul da cidade, depois de apresentar documentos falsos durante entrevista para solicitação de visto. Ela foi levada para a Delegacia Especializada em Atendimento ao Turista (Deatur). Ao ser questionada, a mulher disse que iria se encontrar com o marido que mora ilegalmente nos Estados Unidos há oito anos.

EQUIPE AE, Agência Estado

13 Março 2012 | 18h16

Segundo a polícia, ela disse que adquiriu os documentos por meio de um site na internet. Os agentes identificaram que o material foi emitido por uma agência especializada em fraude que está sendo investigada desde 2010. Estima-se que mais de 100 pessoas tenham utilizado os serviços da agência, que é sediada no Paraná e atua em todo o País.

A investigação sobre a quadrilha é conduzida em conjunto pela Polícia Civil de São Paulo, pelo Ministério Público Estadual do Paraná, pela Polícia Civil do Paraná e pelo Departamento de Segurança Diplomática (DSS) do Consulado dos EUA. Outras sete pessoas foram presas por envolvimento com o grupo.

Mais conteúdo sobre:
consulado prisão documento falso

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.