Mulher que caiu da Ponte Rio-Niterói é operada

Motorista foi resgatada com vida após carro capotar sete vezes e cair no mar

Vinicius Neder, O Estado de S. Paulo

03 Março 2014 | 13h01

RIO - A mulher que foi resgatada com vida após seu carro capotar na Ponte Rio-Niterói e cair no mar, na manhã desta segunda-feira, 3,  foi encaminhada ao Hospital Souza Aguiar, no centro do Rio, e passou por cirurgia em função de uma lesão no braço. A motorista foi identificada como Marina Pinto Borges, de 22 anos.  

Marina mora em São Gonçalo, na região metropolitana do Rio. O acidente ocorreu após ela passar pelo vão central da ponte, onde a Rio-Niterói tem sua maior altura: 72 metros.  

A motorista teria perdido o controle do veículo após uma freada brusca à sua frente.

Marina bateu na mureta que separa a pista sentido Niterói da pista sentido Rio. O carro teria capotado sete vezes antes de cair no mar.Marina foi resgatada por uma lancha e por um rebocador que trabalhavam na manobra de navios no Porto do Rio. Práticos (profissional especializado em manobrar as grandes embarcações na chegada ao porto) ouviram o chamado de emergência no rádio e chegaram antes da Marinha e do Corpo de Bombeiros.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, que administra o Souza Aguiar, o estado de saúde de Marina é estável.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.