Museu de LA inaugura estátua de cera de Michael Jackson

Estátua de cera de US$ 300 mil foi feita em Londres e levada até Los Angeles.

BBC Brasil, BBC

28 Agosto 2009 | 15h09

Uma nova estátua de cera de Michael Jackson foi inaugurada em um museu em Hollywood, mostrando o astro em roupas que ele poderia ter usado durante a série de shows que faria em Londres este ano.

A estátua de US$ 300 mil foi produzida na capital britânica pelo museu de cera Madame Tussauds e levada a Los Angeles sob um forte esquema de segurança, segundo os responsáveis pelo evento.

"Michael Jackson é a segunda figura mais reproduzida de todos os tempos. A primeira é a rainha da Inglaterra, é claro", disse Adrian Jones, porta-voz do Madame Tussauds.

"Nós (o Madame Tussauds) temos treze figuras de Jackson ao redor do mundo e as estátuas dele são sempre as mais populares."

Sósia

Durante a inauguração, na quinta-feira, um sósia de Michael Jackson se apresentou e um DJ tocou músicas do cantor.

Michael Jackson foi imortalizado em cera pela primeira vez em 1985, em Londres.

Segundo o museu Madame Tussauds, o astro sempre gostou de ver suas próprias estátuas. Ele doava roupas para as esculturas e estava sempre à disposição para que tirassem suas medidas.

Michael Jackson morreu de parada cardíaca no dia 25 de junho, quando se preparava para uma série de cinquenta shows em Londres. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Mais conteúdo sobre:
videomichaeljacksonceratussauds

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.