Músicos da OSB fazem contraproposta

Os músicos demitidos pela Orquestra Sinfônica Brasileira enviaram ontem aos empregadores uma contraproposta ao que lhes havia sido oferecido na semana passada. Para não atrapalhar a negociação, preferiram não divulgar o conteúdo do texto antes que o presidente da Fundação, Eleazar de Carvalho Filho, e os integrantes do conselho curador se manifestassem.

Roberta Pennafort, O Estado de S.Paulo

15 de abril de 2011 | 00h00

Os representantes do grupo, que é formado por quase 40 músicos - todos demitidos por justa causa por terem se negado a participar de uma avaliação de desempenho -, já haviam dito na segunda-feira que não aceitam dois pontos da proposta da Fosb: a conversão da demissão em três dias de suspensão (não querem voltar já sendo punidos) e a não participação da comissão de músicos na elaboração de uma eventual nova avaliação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.