Músicos recusam nova proposta de readmissão

Em seu quarto mês, a crise na Orquestra Sinfônica Brasileira parece estar longe do fim. Trinta e dois músicos demitidos se reuniram ontem e decidiram desconsiderar a proposta enviada na segunda-feira pelos empregadores. Eles não aceitam mais trabalhar com o maestro Roberto Minczuk, diretor artístico e regente titular da orquestra. A Fundação OSB, por sua vez, não parece disposta a trocá-lo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.