Namorado com purê de banana-da-terra

Namorado com purê de banana-da-terra

Acostumada a lidar com bacalhaus, a chef Bella Masano, do Amadeus, topou levar um namorado para a panela. Talhado, com pouca gordura e bem seco, o peixe enfrentou um dia de dessalga. "O sabor, contudo, estava ótimo", conta a chef. Mas tem de saber usá-lo. "Depois de seco é como se tivéssemos em mãos um outro peixe.

Lucinéia Nunes,

04 Abril 2012 | 22h48

Algumas notas aromáticas ficam mais acentuadas e a textura se altera", explica Bella. Para peixes menores e com a carne mais seca, como estava o namorado, a chef recomenda receitas que ajudem a compensar a falta de umidade, cremosas ou com molho. "Não recomendo assar ou fritar", diz Bella.

Se quiser preparar em postas, prefira peixes mais gordos e com lombo alto. Como alternativa à receita ao lado, com molho à base de leite de coco fresco e purê de banana, Bella sugere outros ingredientes brasileiros, como palmito pupunha e molho feito com leite de castanha-do-pará, que ela já serviu sobre o pirarucu e, garante, fez muito sucesso.

Mais conteúdo sobre:
Paladar

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.