Nasa manda robô em Marte a possível viagem sem volta

O veículo está em Marte há quase 3 anos e meio. Os pesquisadores querem mandá-lo nessa missão, cratera abaixo, enquanto ele ainda estiver saudável

Agencia Estado

02 Julho 2007 | 08h54

Um dos dois velhos mas duráveis jipes-robôs da Nasa em Marte, o Opportunity, fará o que poderá ser uma viagem sem volta para o fundo de uma cratera de impacto, tentando penetrar o mais profundamente possível na história geológica do planeta vermelho. A descida na Cratera Victoria recebeu autorização por conta do potencial ganho científico, mesmo frente ao risco de o jipe, movido a energia solar, não seja capaz de escalar a encosta para sair, informaram cientistas e administradores da Nasa. O veículo está em Marte há quase 3 anos e meio. Os pesquisadores querem mandá-lo nessa missão enquanto ele ainda estiver saudável. "Esta cratera, Victoria, é uma janela para o antigo ambiente marciano", disse o administrador da Nasa que autorizou a operação, Alan Stern. "Entrar nessa cratera envolve alguns fatores desconhecidos", acrescentou. "Temos de analisar os pontos de entrada e não poderemos ter certeza dos terenos e pontos de apoio lá dentro antes de chegarmos lá. Não dá para garantir, mas acreditamos que ele provavelmente sairá de lá". Opportunity e seu gêmeo idêntico, Spirit, vêm explorando lados opostos de Marte desde que chegaram ao planeta em 2004. Eles encontraram evidência geológica de rochas alteradas pela presença de água em eras passadas. Aberta pelo choque de um meteoro, a cratera tem 800 metros de diâmetro e cerca de 65 metros de profundidade - muito mais funda que qualquer outra depressão já estudada pelos robôs. A entrada está prevista para entre 7 e 9 de julho. Para entrar, o jipe terá cruzar uma onda de material depositado pelo vento, um tipo de formação que já deu trabalho ao equipamento no passado. Os cientistas pretendem levar o Opportunity adiante o suficiente para pôr todas as seis rodas na rampa descendente, e me seguida dar ré, para ver como ele se sai.

Mais conteúdo sobre:
marte opportunity cratera

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.