Nasa se prepara para lançar ônibus espacial nesta sexta

Esta é a primeira missão de um ônibus espacial da agência espacial neste ano

Agencia Estado

12 de junho de 2007 | 05h24

A Nasa está pronta para lançar a sua primeira missão do ano. O ônibus espacial Atlantis e sete astronautas partem, segundo as previsões, no fim desta sexta-feira, 8, do Centro Espacial Kennedy, na Flórida.Meteorologistas prevêem céu limpo na hora do lançamento, às 19h38 (20h38, em Brasília). Há somente 20% de chance da partida do ônibus espacial atrasar devido a tempestades.O Atlantis vai levar dois segmentos da espinha de metal da Estação Espacial Internacional. O carregamento inclui dois pares enormes de painéis solares e uma junta móvel para que os painéis, uma vez instalados, possam buscar a melhor posição para extrair energia do sol. A tripulação também desmontará um velho painel que irá para uma outra parte da estação no ano que vem.Liderado pelo comandante Frederick Sturckow, os astronautas começaram a embarcar pouco depois das 16h. Mais cedo, os técnicos abasteceram o ônibus com 1,89 milhão de litros de combustível. No tanque, estão à mostra as marcas do trabalho de três meses para consertar o estrago causado por uma chuva de granizo.A tempestade ocorreu em 26 de fevereiro, quando a Nasa planejava lançar a missão em meados de março. A Nasa reparou milhares de amassados no revestimento isolante do tanque de combustível. As marcas do trabalho estão visíveis porque o novo revestimento não teve tempo de oxidar e ficar da mesma cor que o resto do compartimento.Apesar do aspecto, os gerentes da Nasa estão confiantes de que não haverá problemas durante a subida do Atlantis.Desde o acidente com sete mortes do ônibus Columbia, em 2003, a Nasa está sensível a temas que envolvem o revestimento do tanque. Durante o lançamento, um pedaço do isolante do Columbia se soltou, se chocou contra a asa e fez um buraco no revestimento de proteção contra o calor.O acidente atrasou em três anos a programação da Nasa para finalizar a estação espacial. A agência precisa enviar pelo menos mais 13 missões para conseguir levar todos os principais componentes da estação, antes que a frota de ônibus seja aposentada, em 2010.Durante a última missão na Nasa, em dezembro, os astronautas tiveram que sair para uma missão de improviso fora da nave para realizar um conserto.Desta vez, a agência tem planos de emergência e dois dias a mais de combustível e suprimento para o caso de a missão demorar mais do que os previstos 11 dias.

Tudo o que sabemos sobre:
nasa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.