Navio dos EUA no Golfo dispara tiros de advertência

Disparos foram dirigidos a duas lanchas não identificadas perto da costa iraniana.

Da BBC Brasil, BBC

25 de abril de 2008 | 17h41

Militares americanos informaram nesta sexta-feira que um navio contratado pela Marinha dos Estados Unidos disparou tiros de advertência na direção de duas lanchas não identificadas no Golfo Pérsico.De acordo com uma porta-voz militar americana, dois barcos pequenos não identificados se aproximaram do navio Westward Venture. O incidente ocorreu em águas internacionais, a dezenas de quilômetros da costa iraniana, segundo os americanos.Os dois barcos não teriam respondido a um "questionamento padrão" pelo rádio e, então, os americanos dispararam um sinalizador, seguido por vários tiros de advertência.Em seguida, de acordo com a porta-voz, os dois barcos deixaram a área e a tripulação americana recebeu o contato de um navio que se identificou como parte da guarda costeira iraniana.A porta-voz acrescentou que, ao seguir os procedimentos, um incidente grave foi evitado. De acordo com informações da imprensa iraniana, a Marinha do país negou qualquer confronto com um navio americano.O navio americano transportava cargas militares para o norte do Golfo Pérsico.Em janeiro, os Estados Unidos afirmaram que lanchas do Irã "importunaram" navios da Marinha americana no Golfo. O Irã nega ter manifestado ameaças.PressãoSegundo o correspondente da BBC em Washington, James Coomarasamy, o incidente ocorreu no dia em que o Pentágono aumentou seus alertas ao Irã.O chefe do Estado-Maior das Forças Armadas americanas, o principal cargo militar dos Estados Unidos, almirante Michael Mullen, disse que está muito preocupado com a influência do Irã no Iraque.Mullen também acusou o Irã de não cumprir sua promessa de paralisar o envio de armas para os insurgentes iraquianos que lutam contra as forças americanas no Iraque.O almirante afirmou ainda que os Estados Unidos acreditam que a solução para o problema está em medidas diplomáticas e econômicas contra o Irã, mas acrescentou que a opção militar não foi totalmente descartada.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
naviodisparogolfo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.