Anatolia
Anatolia

Necrotério na Turquia cria alarme para defuntos que 'ressuscitam'

Sensor de movimento dentro de refrigeradores pode detectar o mais leve movimento

BBC Brasil, BBC

22 de setembro de 2011 | 06h22

Uma câmara municipal na região central da Turquia aprovou o desenvolvimento de um sistema de alerta para detectar se os supostos mortos recebidos por um necrotério local estão de fato mortos.

Segundo a agência de notícias Anatolia, os refrigeradores do necrotério, numa pequena cidade na província de Malatya, passaram a contar com um sensor de movimento.

De acordo com o responsável pelo cemitério, Akif Kayadurmus, o alarme é sensível o suficiente para detectar quaisquer movimentos.

''O refrigerador é capaz de detectar o mais leve movimento do corpo e faz soar um alarme'', afirmou.

Alarme

Kayadurmus disse ainda que as portas dos refrigeradores também foram equipadas com um sistema de fechaduras que abrem automaticamente caso sejam tocadas.

''O refrigerador é capaz de detectar o mais leve movimento do corpo e faz soar um alarme'', comentou.

As precauções, explica o titular do necrotério, se devem para o caso de ''um paciente, declarado morto pelos médicos, despertar do estado de inconsciência". "Temos que considerar todas as possibilidades''.

O necrotério, que tem capacidade para 36 corpos, deve ser inaugurado dentro de uma semana, segundo a agência Anatolia.

BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
curiosidadesturquiaalarmenecrotério

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.