Nelore Natural recebe reforço

Frigorífico do noroeste de SP entra no programa com capacidade para abater 4 mil animais/dia

O Estado de S.Paulo

30 de julho de 2008 | 01h39

Pecuaristas da região de Fernandópolis, noroeste de São Paulo, que fazem parte do Programa de Qualidade Nelore Natural (PQNN), da Associação dos Criadores de Nelore do Brasil (ACNB), têm mais uma opção para vender seus animais. O frigorífico Estrela D''Oeste, do grupo Estrela Alimentos, é o mais novo parceiro do programa.Para o gerente de Produto da ACNB, Lucas Ferriani, a entrada de um novo parceiro no PQNN é sempre positiva. Além disso, a entrada do Estrela vai atender a uma região onde até então não havia frigorífico-parceiro do programa. ''Conseguimos assim atender aos associados dessa região, pois a partir de agora temos um técnico em Estrela D''Oeste. Isso traz maior interação da ACNB com o associado'', diz. Ferriani destaca ainda que o novo parceiro vai contribuir para aumentar a distribuição do Nelore Natural em todo o País.Por enquanto, o PQNN será instalado apenas na unidade de Estrela D''Oeste. Mas o grupo Estrela tem sete unidades. ''Ao todo, temos capacidade para abater 4 mil cabeças de gado/dia'', diz o gerente de Compras de Bovinos, Alessando Lima de Mazzi. Segundo ele, o objetivo da parceria é conquistar clientes pecuaristas diferenciados.Para fazer parte do programa, a unidade teve de se adaptar. ''Além da parte de informática e logística de gado em pé, tivemos de desenvolver um programa de tipificação de carcaça e estamos elaborando uma tabela de classificação e de premiação para os produtores'', diz Mazzi.''Hoje não temos como separar a carcaça tipo A da do tipo B, para separar o produto e direcionar melhor. É aí que queremos chegar.''O gerente de Marketing do Estrela, Rafael Torres, destaca ainda que a parceria com o programa Nelore Natural é um importante passo na busca por mais qualidade. ''Agora, com o início da produção, esperamos agregar a carne Estrela à marca Nelore Natural, oferecendo um produto de qualidade, padronizado e oriundo de animais com alimentação à base de pasto'', diz. Para diferenciar o produto, o Estrela desenvolveu um selo especial e uma linha exclusiva para cortes nobres Nelore Natural.O PROGRAMAO PQNN, criado há sete anos pela ACNB, é um conjunto de normas que visam a padronizar a carne de animais da raça nelore e de um manejo alimentar com base em pastagem, por meio de um rigoroso processo de seleção, em que são avaliadas idade, sexo, acabamento e peso. Para ser classificado como Nelore Natural é preciso atender a todos os critérios pré-estabalecidos no programa.Desde a criação, já foram abatidos 3,5 milhões de cabeças pelo programa e 35% delas foram classificadas como Nelore Natural. Além da unidade de Estrela D''Oeste, do Grupo Estrela, já fazem parte do programa três unidades do frigorífico Marfrig e quatro do Independência.Esta seção, que tem por objetivo fomentar a raça nelore, resulta de parceria entre o Suplemento Agrícola e a Associação dos Criadores de Nelore do Brasil (ACNB)

Tudo o que sabemos sobre:
nelore natural

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.