Ninguém é preso em ação policial em favela do Rio

Uma operação com 120 homens da Polícia Civil no Morro da Mineira, no Catumbi, zona norte do Rio, resultou em intensa troca de tiros entre policiais e traficantes. Dois helicópteros e dois carros blindados participaram da ação com o objetivo de cumprir 30 mandados de prisão e "levantar informações" para uma investigação sobre o tráfico local. Mas, segundo a polícia, ninguém foi preso."A busca pelo paiol de armas do tráfico local sempre existe, mas as metas desta vez eram as prisões e o mapeamento da área", disse o delegado-titular da 118ª Delegacia de Polícia, Luiz Antônio Ferreira, que coordenou a incursão no lugar do delegado-titular da Coordenadoria de Operações Especiais (Core), Rodrigo Oliveira, baleado no tiroteio na favela da Coréia na quarta-feira passada. "Sabíamos que pelo horário seria difícil encontrarmos os procurados. Porém, as incursões vão continuar até prendermos cada um deles", disse o delegado Luiz Antônio Ferreira. A troca de tiros chegou a fechar o trânsito na Rua Itapiru, uma das principais do bairro.

PEDRO DANTAS, Agencia Estado

22 de outubro de 2007 | 18h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.