Nível de água em Ribeirão baixou 60 m em 50 anos

Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, é 100% abastecida pelo Aquífero Guarani. A cidade tem mais de mil poços tubulares. O Departamento de Águas e Esgoto de Ribeirão (Daerp) possui 95 poços em operação, produzindo cerca de 127 mil m3/ano.

O Estado de S.Paulo

26 Outubro 2011 | 03h07

"O nível do aquífero ali na região vem rebaixando muito. Existem locais, sobretudo no centro da cidade, onde não se pode mais fazer poço. São áreas restritas", afirma José Luiz Galvão de Mendonça, geólogo do Departamento de Águas e Energia Elétrica (Daee), do Estado. Desde 1960, o rebaixamento do reservatório foi da ordem de 50 a 60 metros na região central da cidade.

Segundo Mendonça, os poços outorgados no Guarani em São Paulo são: 266 para o abastecimento público, totalizando 36.534 m3 de água por hora; 320 para uso industrial, mineração e sanitário/industrial (21.575 m3 de água por hora); e 131 para uso rural, num total de 14.552 m3 de água por hora. / K.N.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.