Nova liminar faz UFMG reconvocar 3,3 mil estudantes para a segunda fase

A novela do vai e vem de liminares decorrentes dos problemas apresentados no Enem e no Sisu ainda não terminou. Por volta das 22h de sábado, às vésperas de iniciar as provas da segunda fase do vestibular, a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) recebeu uma liminar que a obrigava a convocar, de novo, os cerca de 3,3 mil candidatos que zeraram no Enem.

, O Estado de S.Paulo

24 de janeiro de 2011 | 00h00

As provas da segunda fase começaram ontem e seguem até o dia 29. O problema é que horas antes de ser notificada da nova decisão, a UFMG havia informado que as provas só seriam aplicadas aos 19 mil estudantes pré-selecionados.

Às pressas, técnicos enviaram por e-mail a convocação aos alunos beneficiados pela liminar. Esses candidatos tiveram que imprimir o comprovante de inscrição no site do vestibular.

O comparecimento, no entanto, foi pequeno. De acordo com Vera Resende, coordenadora do vestibular, apenas 5% dos convocados de última hora compareceram. Entre os demais alunos, o índice de ausência foi de 20%.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.